WSL Qualifying Series 2019 na Europa

Publicado por AdrenaNews 0

Enquanto os tops da elite do surf mundial estiverem competindo pelo ISA Games ISA World Surfing Games, entre os dias 7 e 15 de setembro em Miyazaki, no Japão e após na oitava etapa do CT o Freshwater Pro 2019 apresentado Outerknown de 19 a 21 no Surf Ranch em Lemoore, California nos Estados Unidos. Os postulantes a elite de 2020, competirão em três etapas do WSL Qualifying Series 2019 na Europa, que juntas poderão mudar radicalmente o ranking de acesso. O primeiro evento será o QS 10,000 Pantin Classic 2019 na Praia de Pantin, La Coruña, Galicia, na Espanha nos dias 02 a 07 de Setembro, vencido pelo brazuca Weslley Dantas em 2018.

Wesley Dantas em ação na praia de Pantin ano passado. FOTO: WSL / Damien Poullenot

A seguir será a vez do QS 6,000 Azores Airlines Pro 2019 na Praia de Santa Barbara, na Ilha de São Miguel nos Azores, Portugal entre 17 a 22 de Setembro, que retorna após o ano passado ter optado por promover o Mundial Master da WSL e a última do mês, será mais uma etapa de status maximo com o QS 10000 EDP Billabong Pro Ericeira 2019 na Praia de Ribeira D’Ilhas, Ericeira em Portugal, vencida no ano passado pelo australiano Ryan Callinan.

A última etapa com pontuações máxima, foi vencida pelo catarinense Yago Dora que recolocou a bandeira brasileira no alto do pódio do maior palco do surfe norte-americano na Califórnia em Huntington Beach com o Vans US Open of Surfing 2019. A última vitória brasileira tinha sido em 2016 com Filipe Toledo, antes do bicampeonato do japonês Kanoa Igarashi. Com o título Yago, saltou da quinquagésima para a quarta posição no ranking do WSL Qualifying Series 2019, agora liderado pelo francês Jorgann Couzinet, seguido pelo potiguar Jadson André e pelo paulista Alex Ribeiro.

Yago Dora (Foto: Kenny Morris / WSL via Getty Images)

A outra única etapa com status máximo QS 10000 da temporada, também foi vencida pelo Brasil, com o paulista Deivid Silva no Ballito Pro 2019 na África do Sul. Deivid está em quinto lugar no ranking do QS, que indica dez surfistas para a elite dos top-34 da World Surf League. No momento, ele dispensa essa vaga por já estar se garantindo entre os 22 primeiros colocados no Jeep Leaderboard do Championship Tour. Já Yago Dora está fora deste grupo e agora volta a aparecer na lista dos dez do QS, para continuar na divisão principal do Circuito Mundial.

G-10 DO WSL QUALIFYING SERIES – após 36 etapas:

01: Jorgann Couzinet (FRA) – 17.310 pontos

02: Jadson André (BRA) – 16.600

03: Alex Ribeiro (BRA) – 15.930

04: Yago Dora (BRA) – 14.860

05: Barron Mamiya (HAV) – 14.500

06: Deivid Silva (BRA) – 13.320 é top-22 do CT

07: Matt Banting (AUS) – 12.550

08: Connor O´Leary (AUS) – 12.450

09: Jack Freestone (AUS) – 12.400

10: Liam O´Brien (AUS) – 12.300

11: Reo Inaba (JPN) – 12.210

SOBRE A WORLD SURF LEAGUE – A World Surf League (WSL) tem como objetivo celebrar o melhor surfe do mundo nas melhores ondas do mundo, através das melhores plataformas de audiência. A Liga Mundial de Surf, com sede em Santa Mônica, na Califórnia, atua em todo o globo terrestre, com escritórios regionais na Austrália, África, América do Norte, América do Sul, Havaí, Europa e Japão.

A WSL vem promovendo os melhores campeonatos do mundo desde 1976, realizando mais de 230 eventos globais masculinos e femininos no ano para definir os campeões mundiais do World Surf League Championship Tour, Big Wave Tour, Redbull Airborne, Qualifying Series e das categorias Junior e Longboard, além do WSL Big Wave Awards. A Liga tem especial atenção para a rica herança do esporte, enquanto incentiva a progressão, inovação e desempenho nos mais altos níveis, para coroar os campeões de todas as divisões do Circuito Mundial.

Os principais campeonatos de surf do mundo são transmitidos ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e pelo aplicativo grátis da WSL, para uma enorme legião de fãs interessados em ver as grandes estrelas, como Kelly Slater, Stephanie Gilmore, Tyler Wright, Gabriel Medina, John John Florence, Lakey Peterson, Grant Baker, Keala Kennelly, Paige Alms, Kai Lenny, Steven Sawyer, Soleil Errico, Carissa Moore, Courtney Conlogue, entre outros, competindo no campo de jogo mais dinâmico e imprevisível de todos os esportes no mundo.

Para mais informações, visite o WorldSurfLeague.com.

Edição: Edson Andrade

Reportagem: João Carvalho – WSL

Tenha lindas artes exclusivas
mag72