World Skate Street League Skateboarding World Championship – Começa nesta Quinta-feira as Eliminatórias Globais.

Publicado por AdrenaNews 0

A quarta-feira foi de muito treinamento e reconhecimento da pista para os 112 inscritos nas baterias classificatórias do Mundial de Skate Street, etapa final da Street League Skateboarding (SLS), que se realiza até domingo, 22, em São Paulo. Nesta quinta-feira skatistas do mundo todo brigam por uma das 20 vagas nas quartas de final do mais importante evento da temporada 2019. Quem vencer domingo na pista montada no Pavilhão de Exposições do Anhembi, além de campeão do mundo, somará 80 mil pontos no ranking que definirá em maio quem estará em Tóquio 2020. Ainda há ingressos para a semifinal no sábado, 21. As finais já estão esgotadas.

Leticia Bufoni em ação. Foto: Julio Detefon – CBSk

O skate brasileiro será representado por 30 atletas no World Skate Street League Skateboarding World Championship, competição mais importante da primeira janela olímpica da modalidade. Onze skatistas chegam entre os pré-classificados por figurarem entre os 20 melhores do ranking mundial. Os demais 19 representantes do Brasil entraram via wild card da World Skate ou indicação da Confederação Brasileira de Skate. O evento acontece de quinta (19) a domingo (22), no Parque do Anhembi, em São Paulo.

A fase classificatória será disputada com portões fechados nesta quinta-feira, a partir das 10h, com baterias femininas e masculinas. Entre os destaques estão 13 brasileiros como o gaúcho Luan Oliveira, o paulista de Jaguariúna, Tiago Lemos, e o cearense Lucas Rabelo. “A expectativa é grande por estar competindo no meu país, mas ao mesmo tempo a pressão é enorme, porque a galera espera muito da gente. Mas o importante é se divertir e conseguir avançar na competição”, comentou Lucas.

Como é praxe nas etapas da SLS, a pista é revelada aos atletas apenas na véspera da competição. Desenhada pela California SkateParks, empresa que constrói as pistas mais desejadas do mundo, a de São Paulo traz obstáculos considerados pelos atletas de alto grau de dificuldade. Um dos maiores desafios desta pista, que leva a assinatura da empresa que construirá o traçado olímpico, é ter a triple set, ou seja, uma escadaria de três lances com corrimãos. Rayssa Leal, a segunda colocada no ranking olímpico, passou nesta quarta-feira pelo Anhembi e gostou do que viu. “A pista é bem legal, mas também muito difícil porque os obstáculos são muito altos e complicados. Mas espero conseguir fazer minhas manobras”, disse a maranhense de 11 anos.

Pamela Rosa em ação. Foto: Julio Detefon – CBSk

“Para o Brasil é a afirmação como força de mais uma modalidade olímpica, e reconhecimento profissional com mais patrocinadores. Para os skatistas que participarem, a melhor oportunidade de exposição para o mundo com a vibração da torcida, podendo render pontuação para as Olimpíadas e reconhecimentos como melhores patrocínios. E para os demais será a chance de ver de perto os grandes nomes desse esporte maravilhoso!”, ressalta Pamela Rosa.

No masculino, Kelvin Hoefler (4º do ranking mundial) entra direto na semifinal – oito avançam –, vaga assegurada aos quatro primeiros do ranking. Giovanni Vianna (11º), Felipe Gustavo (13º), Carlos Ribeiro (14º) e Ivan Monteiro (18º) têm lugar garantido nas quartas de final – 20 seguem nas disputas – por figurarem entre o 5º e o 20º melhores colocados do ranking.

Felipe Gustavo em ação. Foto: Julio Detefon – CBSk

“O Mundial é muito positivo para o skate nacional. Acredito que vai deixar o skate em evidência na mídia e o público brasileiro vai ter a oportunidade de ver de pertinho um evento de grande porte mundial”, destaca Kelvin Hoefler.
Lucas Xaparral, Patrik Mazzuchini, Lucas Rabelo, Tiago Lemos, Luan de Oliveira, Gabriel Fortunato, Lucas Alves, Lehi Leite, Rogério Febem, Danilo do Rosario, Rodil Ferrugem, Silas Bisteca e Mike Dias são os representantes do masculino que não estavam entre os pré-classificados. Todos esses atletas entram nas disputas das classificatórias globais – 20 mais bem colocados vão para as quartas.

Luan de Oliveira em ação. Foto: Julio Detefon – CBSk

No feminino, Pamela Rosa (1ª do ranking mundial), Rayssa Leal (2ª) e Leticia Bufoni (3ª) têm lugar assegurado na semifinal – oito melhores vão para a decisão. Virgínia Fortes Águas (9ª), Gabriela Mazetto (15ª) e Isabelly Ávila (16ª) entram nas quartas de final – 20 melhores seguem nas disputas. Karen Feitosa, Marina Gabriela, Giovana Dias, Isabelle Menezes, Jéssica Hoefler e Ariadne Souza formam a relação de brasileiras que não estavam entre as pré-classificadas. Todas entram nas classificatórias globais – 20 melhores avançam.

Jéssica Hoefler em ação. Foto: Julio Detefon – CBSk

Comissão técnica da CBSk:

Entre os intregrantes da comissão técnica da CBSk, Rogério Mancha, consultor técnico, Carlos Barreto e Alison Paz, fisioterapeutas, Maurício Zenaide, médico, Juliane Fechio, psicóloga, e Julio Detefon, coordenador técnico, reforçam o apoio para todos os skatistas do Brasil presentes no evento.

Brasil nos Jogos de Tóquio 2020:

Pelos critérios estabelecidos para as Olimpíadas, o Brasil poderá contar com até 12 atletas no total em Tóquio – três no Park Feminino, três no Park Masculino, três no Street Feminino e três no Street Masculino. A participação desse número limite dependerá do desempenho dos brasileiros ao longo das duas janelas classificatórias estabelecidas pela World Skate para a corrida olímpica. A primeira delas vai até 22 de setembro de 2019 – data de encerramento do WS SLS World Championship – e o segundo ciclo acontece de 23 de setembro de 2019 a 31 de maio de 2020.

O evento é aberto ao público nos dias 21 e 22 de setembro, quando serão disputadas a semifinal e final. O Pavilhão de Exposições do Anhembi tem capacidade para receber até 8 mil pessoas por dia. Segundo Pedro Rego Monteiro, Diretor Executivo da Effect Sport, organizadora da competição que vale vaga para Tóquio 2020 e de onde sairá o campeão mundial de 2019, trazer o Mundial para o Brasil reforça a relevância do skate nacional e ajuda a proporcionar aos atletas brasileiros uma proximidade maior com os fãs. “A pista traz elementos das ruas, como escadas, corrimãos, e é inédita, promovendo uma disputa mais equilibrada entre os participantes. Quem ganha é o público, que vai ver aqui manobras espetaculares protagonizadas pelos maiores skatistas do mundo”, explicou Pedro.
A etapa final do Campeonato Mundial da Street League Skateboarding (SLS) é organizada pela Effect Sport, com apoio da BV e da Prefeitura de São Paulo por meio da Secretaria Municipal de Turismo.

Serviço:

Campeonato Mundial Etapa São Paulo – Street League Skateboarding
De 18 a 22 de setembro (ingressos para os dias 21 e 22 de setembro)
Pavilhão de Exposições do Anhembi
Abertura dos portões às 13h, no dia 21 e no dia 22/09.
Ingressos: https://www.eventim.com.br

Programação a partir desta quinta-feira, 19:

QUINTA – 19/09 – RODADAS QUALIFICATÓRIAS GLOBAL OPEN FEMININA E MASCULINA

8h / 10h – Treinos: Somente Global Open Feminino
10h/11h30 – Classificatórias Global Open Feminino
11h30/13h30 – Treinos: Somente Global Open Masculino
13h30 / 16h30 – Classificatórias Global Open Masculino
16h30 / 18h30 – Treinos – Quartas de final Feminino
18h30 / 20h30 – Treinos – Quartas de final Masculino

SEXTA – 02/09 – QUARTAS DE FINAL FEMININA E MASCULINA

8:h / 9h30 – Treinos – Quartas de final Feminino – Sessão 1 (18 skatistas)
9h30 / 11h – Treinos – Quartas de final Feminino – Sessão 2 (18 skatistas)
11h / 14h30 – Quartas de final Feminino (26 skatistas; 16 avançam para semifinal)
14h30 /16h – Treinos – Quartas de final Masculino – Sessão 1 (18 skatistas)
16h / 17h30 – Treinos – Quartas de final Masculino – Sessão 2 (18 skatistas)
17h30/21h – Quartas de final Masculina (26 skatistas; 16 avançam para semifinal)

SÃBADO – 21/09 – SEMIFINAL – FEMININA E MASCULINA

10h / 12h – Treinos – Semifinal Masculina
12h / 14h – Treinos – Semifinal Feminina
13h – Abertura da Arena para o público
14h / 14h30 Treinos – Semifinal Feminina bateria 3 e 4
14h30 / 15h – Treinos – Semifinal Feminina bateria 1 e 2
15h / 17h30 – Semifinal Feminina (24 skatistas; 8 avançam para final)
17h30 / 18h – Treinos – Semifinal Masculina bateria 3 e 4
18h / 18h30 – Treinos – Semifinal Masculina bateria 1 e 2
18h30 / 21h – Semifinal Masculina (24 skatistas – 8 avançam para final)

DOMINGO – 22/09 – SUPER CROWN FINAL – FEMININA E MASCULINA

10h30 / 12h – Treinos – Finalistas Masculino
12h / 14h – Treinos – Finalistas Feminino
13h – Abertura da Arena para o público
14h / 15h30 – Super Crown Final Feminina
15h30 / 15h45 – Invervalo
15h45 / 16/30 – Treinos – Finalistas Masculino
16h30 / 18h – Super Crown Final Masculina
18h – Cerimônia de premiação Feminina e Masculina

Reportagem: Valeria Corbucci – Média Guide e Rafael Miramoto – CBSk

Edição: Edson Andrade

Tenha lindas artes exclusivas
mag72