mag72

Série: Literatura Surfística – A Grande História do Surf Brasileiro – Vejam o Vídeo.

Publicado por AdrenaNews 491 views0

Neste período de pandemia e isolamento social, nada melhor que ler livros. Resolvemos trazer uma série de matérias intitulada: “Literatura Surfística”. A Grande História do Surf Brasileiro de Reinaldo Andraus é o Livro da Vez

A Grande História do Surf Brasileiro não é apenas um livro, mas sim um projeto. Serão cinco volumes que contam toda a trajetória do esporte no país em uma enciclopédia. O primeiro de 5 volumes, foi lançado durante o primeiro semestre de 2019. O Volume 2, está na fase de captação de recursos pois ja foi aprovado no PROAC – ICMS do Estado de São Paulo.

O PROJETO:

Cada um dos livros terá 14 capítulos, subdivididos em quatro tipos, sempre com identidade similar. Após cinco anos de pesquisas, e mais de uma centena de entrevistas, viagens por todo o litoral, para contar as raízes do surf no Brasil.

Reinaldo em mais uma tarde de autógrafos com Paulo Issa. Foto: Alessandra Andraus

Entenda a construção da história do esporte por aqui, até a formação de uma geração de grandes atletas, como Pepê Lopes, Daniel Friedmann, Fabio Gouveia, Teco Padaratz, Gabriel Medina, Adriano de Souza, Ítalo Ferreira e Filipe Toledo.

Vejam o Vídeo abaixo: Entrevista de Reinaldo Andraus, para a Band Jornalismo, que fala sobre seu inicio no surf na década de 60 em Pitangueiras, seus trabalhos como editor em várias revistas, palestrante, assessorando no marketig de várias empresas e que agora é o autor do livro “A Grande História do Surf Brasileiro”.

O LIVRO:

O título “A GRANDE HISTÓRIA DO SURF BRASILEIRO” retrata o espírito da obra, uma enciclopédia programada para sair em 5 VOLUMES totalizando 660 páginas, com mais de 70 capítulos, subdivididos em quatro seções de arquitetura estética diferenciada:

Memórias do Surf Brasileiro​:

Momentos e situações que moldaram a história. 40 memórias– 4 páginas cada. Total: 160 páginas. Estes capítulos, apresentados em 2 páginas duplas, contam de forma cronológica as passagens e transformações mais importantes que o surf brasileiro viveu ao longo dos anos.

Surfistas Ícones:

Ícones do Surf Brasileiro: 20 surfistas , 08 páginas cada: Total: 160 páginas.​ Os maiores personagens da história de nosso surf serão apresentados de forma descontraída e justificando o motivo de terem se transformado em ídolos do esporte, modelos.​

Picos de Surf:

Regiões da Costa Brasileira: 12 destinos de surf garantido. Total: 180 a 200 páginas. Foram selecionadas regiões costeiras que concentram uma grande variedade de boas ondas. Pontos de referência para o surf em nosso território. Com explicações, mapas e fotos.

Saquarema em ação. Foto: Fernando Mesquita

Campeonatos:

Festivais e Competições: 6 diferentes fases. Total: 120 a 140 páginas. Desde os pioneiros festivais dos anos 70 em Ubatuba e Saquarema aos eventos do circuito mundial de hoje que montam cidadelas nas praias. Todas as fases e campeões.

 

SOBRE O AUTOR:​

Reinaldo “Dragão” Andraus:

“Em 1988, eu trabalhava na Revista Fluir e ajudei a revisar integralmente a edição especial: HISTÓRIA DO SURF NO BRASIL 50 Anos de Aventura, escrito por Alex Gutenberg. Esta será uma das fontes bibliográficas do presente livro. A ideia é atualizar mais 25 anos e abrir o leque de pesquisa, deixando um documento para referência das futuras gerações do surf brasileiro.”

“Comecei a surfar com um pranchão Glaspac, no Guarujá, na praia de Pitangueiras, ainda nos anos 60, levado (como muitos) pelo filme Endless Summer – Alegria de Verão. O apelido “Dragão” veio por causa de um desenho em minha segunda prancha, uma São Conrado encomendada diretamente com o Coronel Parreiras. Nos anos 70 sempre me colocava entre os 10 primeiros nos Festivais Luau\Lightning Bolt que rolavam perto da Ilha. Ainda hoje me aventuro nas competições de longboard, na categoria Legends. Viajei por toda costa brasileira surfando de Torres até Fortaleza, Peru em 75, Hawaii em 76 e mais uma dúzia de temporadas, Indonésia, África do Sul, Costa Rica, Califórnia, México, Europa, Austrália”.

Reinaldo em ação. Foto: Klaus Mitteldorf

“Em 85 o destino me levou a trabalhar dentro do surf. Primeiro com um programa na TV Bandeirantes, depois fui convidado para ser editor da Fluir (86\90), em outubro de 90 entrei para a Hardcore, de novembro de 96 a maio de 98 atuei no marketing da Quiksilver, em novembro daquele mesmo ano abri a Kauai Surf Shop, na Av. JK, em Sampa, até 2002. Nos anos 2000 trabalhei como free lancer, escrevendo, palestrando e assessorando empresas e sites ligados ao surf, traduzindo livros de surf do inglês para o português. Para a Alma Surf atuei como colunista e diversas vezes como curador dentro do Festivalma. Meu último trabalho foi cuidar do Marketing da HD, de março de 2010 a março de 2012. Agora meu foco total será para a produção deste livro”.

A EQUIPE:

Para desenvolver o Projeto de tal envergadura, Reinaldo, reuniu uma equipe de primeira com muita experiência profissional, dentro do segmento surf, são eles:

Fernando Mesquita – Direção de arte e Projeto gráfico:

Fernando Mesquita em ação. Foto: Sopa Cultural

Fundador das revistas Fluir e AlmaSurf. Publicitário premiado em Cannes (Leão de Ouro), NY, Londres e Brasil. Artista plástico, designer, fotógrafo. Fernando Mesquita trafega com intimidade autoral por diversas vertentes das artes. Do mar, passou a vida surfando em cores, antes ainda na infância flertava com tintas, telas, pincéis, cavaletes. Aos 16 já estava em uma grande agência de propaganda. “Meu 1º salário, comprei minha 1ª prancha, nunca mais parei de surfar, nem de pintar.” Fernando é um privilegiado, afinal, poucos são aqueles que podem enxergar com seus próprios olhos! Desde sempre artista/naturalista. Domina técnicas do óleo, à escultura, ao digital.

Alberto Alves – Publisher

Alberto Alves em ação. Foto: Bruno Alves

Coordenando as editoras ABook, Ânima e NeoÂnima lançou dezenas de livros. Editor, fotógrafo, videomaker, curador e músico, seus trabalhos foram publicados nas principais revistas nacionais e internacionais, como Der Spigel, National Geographic, Isto É, Playboy, entre outras. Com mais de dez Livros de fotografia publicados. Suas fotos percorreram o país em mostras individuais. Como videomaker, destacou-se pela técnica de filmagens aquáticas, e dirigiu três documentários. Eleito um dos 10 melhores fotógrafos brasileiros de natureza, Prêmio Abril-Kodak, e finalista do A nova geração da Arte brasileira, evento paralelo a Bienal de São Paulo.

Alex Gutemberg – Revisor de conteúdo e escreveu o prefácio do volume 1

Autor do livro A História do Surf no Brasil – 50 Anos de Aventura, publicado pela revista Fluir (Editora Azul) em 1989. Formado em jornalismo e propaganda na USP, pós-graduado nos EUA na UCLA em cinema e TV, participou de 4 Copas, 4 Olimpíadas, diretor de documentários e aventureiro, esteve em mais de 80 países, se enfiou em duas guerras.

A equipe ainda contará com o acervo dos principais fotógrafos especializados em surf. Bancos de imagens de jornais e revistas; arquivos pessoais das famílias pioneiras.

Uma Equipe de Artistas reconhecidos trabalhando com elementos gráficos, quadros e mapas especialmente preparados para o projeto: Tom Veiga – Vinhetas, Leandro Silva – Mapas e pinturas, Hilton Alves – Quadros surreais e Carlos Carpinelli – Mapas do Sul

Uma Equipe de Retaguarda formada por: Semper Fi – Proponente, Ricardo Michael Romano – Consultoria Jurídica, Rodrigo Padin – Produção do site, Edinho Tibiriçá – Redes sociais e mídias alternativas, Fábio Maradei – Assessoria de imprensa e Marcelo Almeida – Contato Comercial

ONDE COMPRAR:

https://www.submarino.com.br/produto/100938201/livro-a-grande-historia-do-surf-brasileiro-volume-1

https://www.americanas.com.br/produto/100938201/livro-a-grande-historia-do-surf-brasileiro-volume-1

FONTES:

http://hsurfbr.com.br/o-projeto/

https://surfdragonblog.blogspot.com/2018/01/postagem-numero-100.html

https://reidragao.wixsite.com/hsurfbr/projects-ca4p

Reportagem: Edson “Adrena” Andrade

Edição: Edson “Adrena” Andrade

Tenha lindas artes exclusivas
mag72