Série “Lawn Patrol” da WSL, lança novo episódio com Jessé Mendes e Tatiana Weston-Webb.

Publicado por AdrenaNews 279 views0

Produção da World Surf League, mostra a rotina dos atletas Jessé Mendes e Tatiana Weston-Webb, que moram juntos na ilha havaiana de Kauai.

Tati e Jessé. Foto: Arquivo Pessoal

“Lawn Patrol”, série produzida pela WSL Studios que mostra o dia a dia, a casa e a intimidade dos melhores surfistas do mundo, neste episódio traz o casal brasileiro Tatiana Weston-Webb e Jessé Mendes. “Na quarentena tenho feito muito paisagismo. Amo flores e plantas e estou aprendendo. As orquídeas de casa estão florescendo em todas as árvores”, diz na abertura Tati (como é chamada na intimidade), sexta colocada no ranking feminino do Championship Tour da World Surf League em 2019, que tem garantida sua vaga nos Jogos Olímpicos 2021.

Tati e Jessé. Foto: Arquivo Pessoal

Antes mesmo das filmagens, Tati já havia contado para a WSL como resolveu morar com seu namorado: “Descobrimos sobre a pandemia e, em seguida, os eventos de surfe foram cancelados, então decidimos permanecer juntos”. Jessé foi morar com Tati no coração de Princeville, região do Condado de Kauaí, ilha do arquipélago havaiano. “Não queríamos, de jeito nenhum, ficar longe um do outro, como geralmente acontece quando a temporada está off”, diz a atleta, que nasceu em Porto Alegre e com dois meses de idade se mudou para o Havaí. Ela é filha do surfista inglês Douglas Weston-Webb com a bodyboarder brasileira Tanira Guimarães.

Nesse episódio de ‘Lawn Patrol’, na porta de sua casa, Tati tira os chinelos e diz que esse é um hábito havaiano ao se entrar em qualquer lugar. E logo se vislumbra uma ampla sala de jogos com uma mesa de ping pong. Aí é Jessé quem conta, enquanto joga uma rápida partida com a companheira: “Nos divertimos jogando também com a família da Tati, que mora na mesma rua e vem sempre pra cá”. O atleta, natural do Guarujá (SP), apresenta, também, com orgulho, o quarto das pranchas, inclusive a que ele chama de mágica, de 1,80 m, da marca Christiaan Bradley, e outra de 1,82 m, que diz usar quando tem muito vento, como é o caso atualmente da região em que estão. “Eu queria ter pranchas maiores aqui, mas trouxe o que tinha em mãos, pois vim direto da Austrália”, conta.

Em 2018, Jessé conquistou o título mais importante de sua carreira, de campeão da Tríplice Coroa Havaiana (vencida por Medina em 2015), premiação que resulta da somatória de pontos de três competições no Havaí: o Hawaiian Pro, a World Cup e o Pipe Masters (etapa final do circuito mundial). Também é bicampeão brasileiro de surfe amador, campeão do QS Prime de Portugal (2014) e do QS 6000 de Manly Beach (Austrália, 2017).

Jessé Mendes em ação. Foto: Kelly Cestari – WSL

Tati prossegue apresentando a sala de ginástica e seu cômodo favorito da casa, a cozinha, onde permite aos telespectadores conferir todos os itens dentro da geladeira, que vai de batatas fritas, massas e queijos, até nozes, sementes, verduras e frutas. No deck está o que para um casal de brasileiros não poderia faltar: a churrasqueira. “Jessé está se saindo muito bem no churrasco, estou orgulhosa. E ele é também um cantor muito bom”, conta a enamorada, ao mostrar a sacada, ao ar livre, onde o casal curte o pôr do sol em um visual de arrasar. Depois, Tati ainda invade a casa dos pais para mostrar suas pranchas e troféus.

‘Lawn Patrol’ intercala tudo isso com cenas dos dois surfando em altas performances e em campeonatos. No final do episódio, a gravação acompanha o casal e Lucas (primo de Tati) até Queen’s Bath, piscina de maré única na ilha de Kauaí, buraco cercado por rochas ígneas onde todos saltam e mergulham com as tartarugas. “Desejamos a vocês uma quarentena segura, feliz e de saúde”, encerra Tati. “Espero que gostem de nossa gravação”, completa Jesse.

Tatiana Weston-Webb em ação. Foto: Cait Miers – WSL

Surfistas mais perto de seus fãs:

Com dois novos episódios por semana, de cerca de 11 minutos cada, com a série ‘Lawn Patrol’ os fãs do surfe ficam mais próximos das rotinas dos atletas. “Estamos com produções incríveis para essa época de quarentena. Uma vasta programação de séries, documentários e informativos com entretenimento diversificado que os amantes do lifestyle do surfe estão amando”, diz Ivan Martinho, CEO da WSL na América Latina.

Entre os demais programas da WSL está a série ‘Sound Waves’, que retrata a jornada vivida pelos melhores surfistas (hoje na plataforma há episódios com os brasileiros Ítalo Ferreira e Lucas Chumbo e o havaiano Kai Lenny, entre outros). Em breve, está prevista a estreia da série Transformed Brasil, que mostrará como o surfe pode transformar vidas, com o surfista Rodrigo Pikatchu no primeiro episódio. A www.worldsurfleague.com/watch dá acesso ainda a histórias da cultura do surfe e campeonatos antigos, além de atrações como Surf Breaks, boletim informativo semanal, de produção nacional, com as últimas notícias do esporte.

O episódio, com legendas em português, está na plataforma da WSL na internet (https://www.worldsurfleague.com/posts/451667/20200509_lp_tati_jesse) e no aplicativo grátis da WSL para dispositivos mobile.

SOBRE A WSL – A World Surf League (WSL), criada em 1976, é a principal plataforma do surf e dos surfistas no mundo inteiro. A WSL está dedicada a mudar o mundo através do poder inspirador do surf, criando eventos, experiências e narrativas autênticas para inspirar a comunidade global a viver um lifestyle com dedicação, originalidade e entusiasmo. A World Surf League é uma organização global e sua sede principal é em Santa Monica, Estados Unidos, com escritórios regionais para a América do Norte, América Latina, Europa, África, Ásia, Australasia e Hawaii. A WSL tem uma profunda apreciação pela rica herança do surf, promovendo progressão, inovação e performance nos níveis mais altos do esporte. A WSL é composta por Circuitos e Eventos, celebrando os melhores surfistas do mundo em todas as modalidades, realizando anualmente mais de 180 campeonatos globais para coroar os campeões mundiais em todas as divisões; pela WSL WaveCO, onde a inovação encontra experiências inéditas; e pela WSL Studios, que oferece as melhores narrativas através das competições, lifestyle e conservação. Para mais informações, visite WorldSurfLeague.com

Reportagem: Casa do Bom Conteúdo e WSL Latin America

Edição: Edson “Adrena” Andrade

Tenha lindas artes exclusivas
mag72