Nike reincidi contrato com a CBSk, a poucos meses do início das Olimpíadas.

Publicado por AdrenaNews 0

A CBSk, informa que, por uma decisão unilateral da Nike, a empresa deu causa à rescisão do contrato e não é mais a patrocinadora da Seleção Brasileira de Skate.

Victoria Bassi em ação. Foto: Julio Detefon – CBSk

A Nike alegou que a descontinuidade do cumprimento das obrigações contratuais é decorrente dos prejuízos causados pelo adiamento dos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. A entidade manifesta que por todo o período da parceria fez questão de evidenciar de todas as formas o vínculo com a citada marca, cumprindo todas as cláusulas contratuais e que, desde o início da pandemia, buscou alternativas para a continuidade, entendendo o momento de dificuldade global. A CBSk lamenta a decisão da empresa a poucos meses do início das Olimpíadas e comunica que vem trabalhando em soluções para tais equipamentos/uniformes para o time brasileiro.

Além da CBSk as Confederações de skate dos EUA e França são alguns dos países patrocinados pela Nike e que terão skatistas competindo com seus uniformes na estreia do skate nas Olimpíadas de Tóquio. Em fevereiro de 2020, foram apresentadas algumas das peças dos uniformes das três seleções, todas desenvolvidas em colaboração e assinadas pelo skatista e artista holandês Piet Parra.

EUA, França e Brasil tem uniformes assinados por Parra. Foto: Nike – Divulgação

A delegação do Comitê Olímpico do Brasil (COB), tem o patrocínio de fornecimento pela chinesa Peak e com a Alpargatas para todos da delegação do Time Brasil utilizarem suas sandálias na cerimônia de abertura. Porém cada confederação esportiva tem contrato com uma empresa fornecedora diferente.

Carlos Ribeiro com o uniforme da Seleção Brasileira de Skate. Foto: Divulgação – Nike

No caso da Confederação Brasileira de Skate, a entidade tinha contrato com a Nike, e os skatistas e comissão técnica teriam cerca de 80 peças de vestuário (camisas, camisetas, calças, bermudas, macacões, meias, bonés, etc) disponíveis para usar de acordo com seus estilos pessoais e montar seus uniformes conforme seus estilos e individualidades no período pré-olímpico e nas áreas das competições, com os skatistas usando os kits do uniforme da CBSk e teriam liberdade para usar os tênis de seus patrocinadores. O uniforme da Peak será usado em situações como integrantes da delegação do COB: desde o embarque para Tóquio e dentro da Vila Olímpica. Pela regra das olimpíadas, tênis é considerado um equipamento pessoal, como o skate.

Reportagem: Rafael Miramoto – CBSk

Edição: Edson “Adrena” Andrade

Tenha lindas artes exclusivas
mag72