Corona Open México apresentado pela Quiksilver – Acessem aqui o Canal da WSL no YouTube e assistam ao Vivo!

Publicado por AdrenaNews 0

Acessem aqui o Canal da WSL no YouTube e assistam ao Vivo o Corona Open México apresentado pela Quiksilver.

Line Up de Barra de La Cruz. Foto: Tony Heff – WSL

Um número recorde de seis brasileiros vai disputar a repescagem do Corona Open Mexico apresentado pela Quiksilver e a terceira bateria ficou 100% verde-amarela, com Adriano de Souza, Jadson André e Alex Ribeiro. A segunda tem dois, Yago Dora e Deivid Silva, com o mexicano Jhony Corzo. E Peterson Crisanto vai disputar as duas primeiras vagas para a terceira fase com o japonês Kanoa Igarashi e outro mexicano, Diego Cadena.

Peterson Crisanto em ação. Foto: Tony Heff – WSL

Os doze surfistas que ficaram em último lugar nas suas baterias da primeira fase, são divididos em quatro confrontos também formados por três competidores na repescagem. Esta é a primeira rodada eliminatória das etapas do CT e quem ficar em último novamente, termina em 33.o lugar no evento, marcando apenas 265 pontos no ranking.

ASSISTAM AO VIVO NOS PLAYERS ABAIXOS:

ASSISTA AO VIVO – Corona Open Mexico presented by Quiksilver DIA 2:

WATCH LIVE – Corona Open Mexico presented by Quiksilver Day 2:

TRANSMISSÃO AO VIVO – O Corona Open Mexico apresentado pela Quiksilver é patrocinado pela Corona, Quiksilver, Jeep, Red Bull, Oakley, Hydro Flask, Expedia, DraftKings e está sendo transmitido ao vivo pelo WorldSurfLeague.com e pelo aplicativo grátis da WSL, com os brasileiros podendo acompanhar esta sétima etapa do World Surf League Championship Tour 2021 também pelos canais ESPN Brasil.

BATERIAS DO CORONA OPEN MEXICO NA QUARTA-FEIRA:

SEGUNDA FASE – REPESCAGEM – 3.o=33.o lugar com 265 pontos:

1.a: Kanoa Igarashi (JPN), Peterson Crisanto (BRA), Diego Cadena (MEX)
2.a: Yago Dora (BRA), Deivid Silva (BRA), Jhony Corzo (MEX)
3.a: Adriano de Souza (BRA), Jadson André (BRA), Alex Ribeiro (BRA)
4.a: Seth Moniz (HAV), Matthew McGillivray (AFR), Connor O´Leary (AUS)

SEGUNDA FASE – REPESCAGEM – 3.a=17.o lugar com 1.045 pontos:

1.a: Isabella Nichols (AUS), Macy Callaghan (AUS), Regina Pioli (MEX)
2.a: Keely Andrew (AUS), Sage Erickson (EUA), Shelby Detmers (MEX)

RESULTADOS DO CORONA OPEN MEXICO NA TERÇA-FEIRA:

PRIMEIRA FASE – 1.o e 2.o=Terceira Fase / 3.o=Segunda Fase:

01: 1-Kolohe Andino (EUA)=13.60, 2-Kelly Slater (EUA)=11.00, 3-Kanoa Igarashi (JPN)=10.77
02: 1-Griffin Colapinto (EUA)=13.00, 2-Lucca Mesinas (PER)=11.73, 3-Jadson André (BRA)=9.43
03: 1-Morgan Cibilic (AUS)=10.00, 2-Rio Waida (IDN)=9.70, 3-Deivid Silva (BRA)=8.27
04: 1-Filipe Toledo (BRA)=13.46, 2-Jeremy Flores (FRA)=11.33, 3-Jhony Corzo (MEX)=6.87
05: 1-Mateus Herdy (BRA)=14.13, 2-Italo Ferreira (BRA)=13.93, 3-Peterson Crisanto (BRA)=13.03
06: 1-Jack Robinson (AUS)=13.83, 2-Gabriel Medina (BRA)=10.13, 3-Diego Cadena (MEX)=7.90
07: 1-Adrian Buchan (AUS)=11.83, 2-Conner Coffin (EUA)=11.77, 3-Matthew McGillivray (AFR)=11.34
08: 1-Mikey Wright (AUS)=12.73, 2-Owen Wright (AUS)=11.80, 3-Yago Dora (BRA)=10.76
09: 1-Caio Ibelli (BRA)=13.77, 2-Frederico Morais (PRT)=12.77, 3-Alex Ribeiro (BRA)=8.87
10: 1-Leonardo Fioravanti (ITA)=15.17, 2-Ryan Callinan (AUS)=10.13, 3-Connor O´Leary (AUS)=9.50
11: 1-Ethan Ewing (AUS)=15.16, 2-Michel Bourez (TAH)=12.40, 3-Adriano de Souza (BRA)=12.06
12: 1-Miguel Pupo (BRA)=11.43, 2-Wade Carmichael (AUS)=11.37, 3-Seth Moniz (HAV)=10.46

PRIMEIRA FASE – 1.a e 2.a=Oitavas de Final / 3.a=Segunda Fase:

1.a: 1-Sally Fitzgibbons (AUS)=14.27, 2-Silvana Lima (BRA)=12.90, 3-Keely Andrew (AUS)=11.96
2.a: 1-Malia Manuel (HAV)=14.93, 2-Johanne Defay (FRA)=11.00, 3-Shelby Detmers (MEX)=7.43
3.a: 1-Carissa Moore (HAV)=14.96, 2-Bronte Macaulay (AUS)=12.60, 3-Regina Pioli (MEX)=5.07
4.a: 1-Courtney Conlogue (EUA)=14.24, 2-Tatiana Weston-Webb (BRA)=11.24, 3-Macy Callaghan (AUS)=8.30
5.a: 1-Stephanie Gilmore (AUS)=13.07, 2-Brisa Hennessy (CRI)=12.60, 3-Isabella Nichols (AUS)=10.94
6.a: 1-Caroline Marks (EUA)=15.03, 2-Tyler Wright (AUS)=11.97, 3-Sage Erickson (EUA)=11.53

SOBRE A WORLD SURF LEAGUE – Estabelecida em 1976, a World Surf League (WSL) é a casa do melhor surf do mundo. Uma empresa global de esportes, mídia e entretenimento, a WSL supervisiona circuitos e competições internacionais, tem uma divisão de estúdios de mídia que cria mais de 500 horas de conteúdo ao vivo e sob demanda, por meio da afiliada WaveCo, empresa que criou a melhor onda artificial de alto desempenho do mundo.

Com sede em Santa Monica, Califórnia, a WSL possui escritórios regionais na América do Norte, América Latina, Ásia-Pacífico e EMEA. A WSL coroa anualmente os campeões mundiais de surf profissional masculino e feminino. A divisão global de Circuitos supervisiona e opera mais de 180 competições globais a cada ano do Championship Tour e dos níveis de desenvolvimento, como o Challenger Series, Qualifying Series e Junior Series, bem como os circuitos de Longboard e Big Wave.

Lançado em 2019, o WSL Studios é um produtor independente de projetos de televisão sem roteiros, incluindo documentários e séries, que fornecem acesso sem precedentes a atletas, eventos e locais globalmente. Os eventos e o conteúdo da WSL, são distribuídos na televisão linear para mais de 743 milhões de lares no mundo inteiro e em plataformas de mídia digital e social, incluindo o WorldSurfLeague.com. A afiliada WaveCo inclui as instalações do Surf Ranch Lemoore e a utilização e licenciamento do Kelly Slater Wave System.

A WSL é dedicada a mudar o mundo por meio do poder inspirador do surfe, criando eventos, experiências e histórias autênticas, afim de motivar a sempre crescente comunidade global para viver com propósito, originalidade e entusiasmo.

Mais informações sobre o surfe mundial no www.worldsurfleague.com e notícias em português no www.wsllatinamerica.com 

Reportagem: João Carvalho – WSL Latin America

Edição: Textos e Imagens: Edson “Adrena” Andrade

Tenha lindas artes exclusivas
mag72