mag72

Copa Gatorade Mancora Junior San Carlos Pro Peru – Última Etapa do Circuito Sul-americano da WSL Latin America

Publicado por AdrenaNews 176 views0

O Máncora Junior San Carlos Pro Peru 2019 Copa Gatorade, vai estrear no Circuito Pro Junior da WSL Latin America, promovendo a sétima e última etapa da categoria para surfistas com até 18 anos de idade.

Tainá Hinckel em ação. Foto: Fabriciano Junior – Oi

Nos dias 14 e 15 de novembro, serão decididos os campeões sul-americanos Pro Junior da temporada 2019 e os cinco classificados para disputar os títulos mundiais da World Surf League na Ilha Taiwan. Os três melhores do ranking masculino e as duas primeiras do feminino, serão os representantes da América do Sul no Mundial.

As inscrições ainda estão abertas no sistema online do www.wsllatinamerica.com e as grandes promessas da nova geração do surfe da América do Sul, principalmente do Brasil, Argentina, Chile, Uruguai e Peru, já confirmaram suas participações no Máncora Junior San Carlos Pro Peru 2019. O evento será importante principalmente para os peruanos que estão na briga direta pelos títulos e pelas vagas para o Mundial Pro Junior, a atual bicampeã sul-americana Sol Aguirre que está em terceiro no ranking e Raul Rios em quinto.

Raúl Ríos em ação. Foto: Rafael Rioja

“O Máncora Junior Agua San Carlos Pro Peru Copa Gatorade, tem como objetivo fundamental, contribuir na formação dos nossos futuros representantes do surfe”, destacou o prefeito de Máncora, José Alexander Ramírez Granda. “Este importante evento nos permitirá divulgar nossas praias, pontos turísticos e contribuir para movimentar a economia no balneário”.

O organizador do evento, Richard Navarrete, também comentou sobre a realização do evento: “Nós continuamos fazendo um trabalho estratégico e profissional para o desenvolvimento do surfe no norte do nosso país. Já realizamos eventos profissionais há mais de 10 anos, o que contribuiu para o acesso dos nossos surfistas a elite mundial, como o Piccolo Clemente (bicampeão mundial de Longboard em 2013 e 2015 e medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos de Lima 2019), Lucas Garrido Lecca, María Fernanda Reyes, entre outros”.

Máncora é um balneário localizado no norte do Peru, na província de Talara, em Piura. O campeonato será disputado em um reef break de longas esquerdas que podem passar dos 2 metros de altura com ótimas condições para surfar. O Circuito Sul-americano Pro Junior da WSL Latin America está sendo disputado com um número recorde de sete etapas esse ano. Cinco delas no Brasil, uma no Chile e será encerrado no Máncora Junior San Carlos Pro Peru Copa Gatorade, nos dias 14 e 15 de novembro em Máncora, no norte do país andino.

Entre os principais peruanos já inscritos, destaque para a bicampeã sul-americana Pro Junior de 2017 e 2018, Sol Aguirre, que está em terceiro no ranking 2019, Daniella Rosas em sétimo e medalha de ouro nos Jogos Pan-americanos de Lima 2019, e Raúl Ríos, quinto colocado no ranking masculino. Os três estão na briga direta pelas vagas para o Mundial Pro Junior nas duas etapas que restam para fechar o ranking sul-americano. Eles poderão aproveitar o fato de competirem em casa na última, para conquistarem suas classificações.

Sol Aguirre em ação. Foto: Rafael Rioja

A tarefa não será fácil, pois todos os brasileiros que lideram os rankings, também estão confirmados para a estreia do Máncora Junior San Carlos Pro Peru Copa Gatorade, como Tainá Hinckel, que está na frente com três vitórias no Brasil e um terceiro lugar no Chile, nas quatro etapas que competiu. Sol Aguirre estava segurando a segunda vaga para o Mundial até a etapa passada, quando perdeu a vice-liderança para outra brasileira, Julia Duarte.

Entre os homens, a batalha de Raúl Ríos para terminar entre os top-3 do ranking ganhou uma motivação extra com o vice-campeonato na última etapa disputada no Brasil, vencida pelo surfista local de Santa Catarina que competiu em casa, Heitor Mueller. Com este resultado, Raúl subiu para o quinto lugar no ranking, que está com três brasileiros no topo, Daniel Templar, Lucas Vicente e Mateus Sena, além de Daniel Adisaka em quarto lugar.

Daniel Templar em ação. Foto: Fabriciano Junior – Oi

O Máncora Junior Agua San Carlos Pro Peru 2019 Copa Gatorade, é apresentado por Barinsta Mancora, Insta Bar Huanchaco, Insta Urban Trujillo e patrocinado pela Pepsi. O evento é organizado pelo clube esportivo Olas Norte em conjunto com a World Surf League Latin America e conta com o apoio governamental do município de Máncora e da província de Talara, além dos patrocínios do Hotel Don Giovanni, Hotel Wawa, Hotel Punta Ballena, Hotel Mama Sirena, Hotel La Casa de Sebas, Hotel Sol y Mar, Hotel Sumarfe, Casa Los Dolphins, Transporte El Dorado, Transporte Chinchasuyo, Pizzeria Chan Chan, Pizzeria Nikitas, Restaurant Kiba, Restaurant La Mosca en la Sopa, El Tao, El Aji, Club Deportivo On Shore Kite Surf, Kite Club, Pupukea Surfboard y Randy Sound Sistema.
O Máncora Junior Agua San Carlos Pro Peru Copa Gatorade será transmitido ao vivo do Peru pelo www.worldsurfleague.com nos dias 14 e 15 de novembro em Máncora.

TOP-10 DO SUL-AMERICANO PRO JUNIOR MASCULINO – 5 etapas:

01: Daniel Templar (BRA) – 2.440 pontos
02: Lucas Vicente (BRA) – 2.310
03: Mateus Sena (BRA) – 2.220
04: Daniel Adisaka (BRA) – 2.125
05: Raul Rios (PER) – 1.790
06: Leo Casal (BRA) – 1.780
07: Fernando Junior (BRA) – 1.775
08: Eduardo Motta (BRA) – 1.720
09: Uriel Sposaro (BRA) – 1.675
10: Cauã Costa (BRA) – 1.400

Ranking completo no link:
https://www.worldsurfleague.com/athletes/tour/mjun?regionId=8&year=2019

TOP-10 DO SUL-AMERICANO PRO JUNIOR FEMININO – 5 etapas:

01: Tainá Hinckel (BRA) – 3.560 pontos
02: Julia Duarte (BRA) – 2.760
03: Sol Aguirre (PER) – 2.685
04: Isabela Saldanha (BRA) – 2.630
05: Coco Cianciarulo (ARG) – 2.190
06: Maju Freitas (BRA) – 1.980
07: Daniella Rosas (PER) – 1.870
08: Pamella Mel (BRA) – 1.210
09: Alessia Moro (PER) – 1.180
10: Lara Barrios (PER) – 1.115

Ranking completo no link:
https://www.worldsurfleague.com/athletes/tour/wjun?regionId=8&year=2019

CAMPEÕES SUL-AMERICANOS PRO JUNIOR DA WSL SOUTH AMERICA
Desde a inclusão da categoria feminina – Sub-20 até 2015 e Sub-18 a partir de 2016

2018: Samuel Pupo (BRA-SP) e Sol Aguirre (PER)
2017: Mateus Herdy (BRA-SC) e Sol Aguirre (PER)
2016: Weslley Dantas (BRA-SP) e Tainá Hinckel (BRA-SC)
2015 – Deivid Silva (BRA-SP) e Miluska Tello (PER)
2014 – Deivid Silva (BRA-SP) e Miluska Tello (PER)
2013 – Luan Wood (BRA-SC) e Melanie Giunta (PER)
2012 – Italo Ferreira (BRA-RN) e Rosanny Alvarez (VEN)
2011 – Filipe Toledo (BRA-SP) e Gabriela Leite (BRA-SC)
2010 – Miguel Pupo (BRA-SP) e Diana Cristina (BRA-PB)
2009 – Alejo Muniz (BRA-SC) e Diana Cristina (BRA-PB)
2008 – Alex Ribeiro (BRA-SP) e Diana Cristina (BRA-PB)
2007 – Wiggolly Dantas (BRA-SP) e Marina Werneck (BRA-SC)
2006 – Heitor Pereira (BRA-SP) e Anali Gomez (PER)
2005 – Thiago Camarão (BRA-SP) e Taís de Almeida (BRA-RJ)

SOBRE A WORLD SURF LEAGUE – A World Surf League (WSL) tem como objetivo celebrar o melhor surfe do mundo nas melhores ondas do mundo, através das melhores plataformas de audiência. A Liga Mundial de Surf, com sede em Santa Mônica, na Califórnia, atua em todo o globo terrestre, com escritórios regionais na Austrália, África, América do Norte, América do Sul, Havaí, Europa e Japão. A WSL vem promovendo os melhores campeonatos do mundo desde 1976, realizando mais de 230 eventos globais masculinos e femininos no ano para definir os campeões mundiais do World Surf League Championship Tour, Big Wave Tour, Redbull Airborne, Qualifying Series e das categorias Junior e Longboard, além do WSL Big Wave Awards. A Liga tem especial atenção para a rica herança do esporte, enquanto incentiva a progressão, inovação e desempenho nos mais altos níveis, para coroar os campeões de todas as divisões do Circuito Mundial. Os principais campeonatos de surf do mundo são transmitidos ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e pelo aplicativo grátis da WSL. A World Surf League é pioneira em streaming online para uma enorme legião de fãs apaixonados e interessados em ver as grandes estrelas, como Kelly Slater, Stephanie Gilmore, John John Florence e muitos brasileiro, como Gabriel Medina, Adriano de Souza, Filipe Toledo, Italo Ferreira, Silvana Lima, Tatiana Weston-Webb, competindo no campo de jogo mais dinâmico e imprevisível de todos os esportes no mundo. Para mais informações, visite o WorldSurfLeague.com.

Reportagem: João Carvalho – WSL Latin America

Edição: Edson Andrade

Tenha lindas artes exclusivas
mag72