Circuito CBSurf Rip Curl Grom Search 2022 – Começa nesta quinta-feira, 2ª etapa com lotação máxima em Pernambuco.

Publicado por AdrenaNews 0

Começa nesta quinta-feira o Circuito CBSurf Rip Curl Grom Search, apresentado por GoPro, com garantia de sucesso antes mesmo de começar. A 2ª etapa na Praia do Cupe, em Porto de Galinhas, Ipojuca, no litoral sul de Pernambuco.

Vista aérea da Praia do Cupe. Foto: Divulgação

Reunindo 232 atletas de 14 estados, divididos em oito categorias, de quinta-feira até domingo. Os líderes das oito categorias em disputa estão confirmados e demonstram confiança para boas atuações, repetindo as performances na abertura realizada em Vila Velha no Espírito Santo.

Estrutura que foi montada em Vila Velha no Espírito Santo. Foto: Vitor Gozzer

Neste primeiro dia, será realizada a abertura oficial, com as equipes estaduais perfiladas em frente ao palanque às 13h. Na sequência, a partir das 14h, as meninas da sub18 entram no mar. Depois é a vez da sub16 feminina. Na sexta-feira (5), a competição reinicia às 7h com a sub18 masculina. As finais estão previstas para domingo, das 11h30 às 14h30.

Apresentações das Equipes. Foto: Vitor Gozzer

Além dos títulos brasileiros, os atletas buscam as vagas para a seleção brasileira para o ISA World Junior Championship, que definirá os campeões mundiais sub16 e sub18. “Estou bem animado para essa etapa e espero poder fazer um bom resultado de novo. Nunca competi nessa onda, mas parece ser bem divertida e, com certeza, vai render um show de surf”, afirma o paulista Ryan Kainalo, um dos grandes destaques da etapa inicial, com vitória na sub16 e o segundo lugar na sub18.

Ryan Kainalo em ação. Foto: Vitor Gozzer

O paranaense Anuar Chiah também chegou em duas decisões, com vitória na sub14 e vice na sub16, é outro animado, principalmente com a chance de integrar o time no Mundial. “A minha expectativa é me dar bem, vou dar meu máximo e, se Deus quiser, garantir o título. Na primeira etapa fiquei muito feliz em ter feito final com os melhores do Brasil, ficando com chances do Mundial, e agora é ir com tudo para Pernambuco”, diz o surfista.

Anuar Chiah em ação. Foto: Vitor Gozzer

No feminino, a catarinense Kiany Hyakutake, vitoriosa na sub18, fala da ansiedade para competir em Pernambuco, tanto para se manter no topo do ranking, quanto para seguir na lista da seleção da CBSurf. “Estou ansiosa para chegar em Pernambuco. Ainda não conheço as praias de lá, mas estou mais instigada do que nunca para competir essa segunda etapa. Minhas pranchas estão funcionando muito e estou bem confiante”, anuncia.

Kiany Hyakutake em ação. Foto: Marcio David

Entre os mais velhos, na sub18, Luan Ferreira, compete “em casa”, defendendo a liderança do ranking. Ele venceu na abertura do campeonato, em Vila Velha, e agora demonstra muita animação para se manter na frente na disputa que vale pontos para o título brasileiro e também para a formação da seleção brasileira que disputará o ISA World Junior Championship, o mundial da categoria em 2023.

Luan Ferreira em ação. Foto: Vitor Gozzer

“Estou muito animado. Competir em casa é muito bom e com altas ondas, melhor ainda. Gosto muito dessa onda, treino sempre”, afirma o atleta, de apenas 15 anos, que na etapa inicial superou atletas mais experientes no Circuito, deixando em segundo lugar o paulista Ryan Kainalo, em terceiro o potiguar Samuel Joquinha e em quarto outro representante de SP, Murilo Coura.

Se Luan tem a vantagem de estar “em casa”, outra líder do ranking, a paranaense Gabriely Vasque, chega pela primeira vez na praia pernambucana. “Minha expectativa para essa etapa é chegar nas finais, se Deus permitir, e me manter viva pra vaga do ISA”, afirma a vencedora da sub16 feminina. Outra vitoriosa e paranaense em Vila Velha, Luara Mandelli, também competirá pela primeira vez, mas conhece bem a praia, por ter acompanhado a mãe, Thiara, em competições do longboard.

Gabriely Vasque em ação. Foto: Jucelia Custodio

“Tenho boas lembranças. Acompanhava a minha mãe quando ela competia aqui no circuito profissional de longboard, mas pela primeira vez estou vindo para surfar e disputar um campeonato. Estou feliz por isso e bem focada para conseguir um bom resultado para mim e para o meu Estado”, ressalta a surfista líder da sub14 feminina.

Os caçulas do ranking também demonstram boas expectativas para disputa. A paulista Carol Bastides e o potiguar Arthur Vilar, fazem parte da equipe formada pelo campeão mundial e olímpico Italo Ferreira, para fomentar a nova geração, e esperam repetir boas atuações. “Minha expectativa é que eu consiga ganhar, dar o meu melhor e me divertir. Estou muito otimista”, afirma Carol, que vem de nova vitória no Paulista e também está surfando na sede do evento pela primeira vez.

Carol Bastides em ação. Foto: Vitor Gozzer

Arthur Vilar conhece bem o pico, treinou várias vezes, mas estreia nas ondas como competidor. “Estou bem feliz pelo fato da etapa ser aqui no Nordeste, em condições que já estou acostumado a treinar. Nunca competi nessa ‘vala’, mas já treinei algumas vezes aqui. Quero me divertir e tentar fazer o meu melhor. O resultado vai ser consequência”, comenta Arthur.

Arthur Vilar em ação. Foto: Marco Gigante

O gerente de marketing da Rip Curl, Fernando Gonzalez, diz que a etapa seguirá à risca o slogan do Rip Curl Grom Search, que completa 23 edições consecutivas esse ano: “Muito mais do que um campeonato de surf”, com várias atrações também fora do mar. “Estamos num local icônico do surf, conhecido por sua qualidade de ondas, um lugar paradisíaco. Só esse cenário já ajuda muito, mas teremos muita diversão para a garotada na areia, além do show de manobras nas disputas”, relata.

“Teremos novas ativações da GoPro, como futmesa e ping pong, distribuição de pipas, uma tradição nos nossos eventos, tudo para os atletas se divertirem enquanto estão fora do mar. Também massagista para antes e depois das baterias. Tudo voltado para ser mais um grande evento e que todos podem acompanhar pela transmissão ao vivo”, complementa Gonzalez.

O vice-presidente da CBSurf, Paulo Moura, demonstra felicidade com a realização da etapa em Pernambuco, seu estado natal e onde começou a competir. Paulo tem forte ligação com os circuitos de base e foi campeão brasileiro junior antes de chegar à elite do surf mundial. Hoje, ele é o elo de ligação da entidade com o Comitê Olímpico do Brasil (COB) e responsável pelas seleções nacionais nas competições internacionais oficiais, inclusive os Jogos Olímpicos. “Ter uma etapa desse porte é muito importante para o desenvolvimento do esporte no Estado. Pernambuco é o lugar onde começou a minha carreira e todos os meus sonhos, que partiram exatamente de eventos como esse, de categoria de base. Com certeza é um show ter mais uma etapa lá”, comenta Paulo.

AO VIVO: As baterias e cronograma da etapa serão divulgadas oficialmente no hot site da Rip Curl, o ripcurl.com.br/gromsearch22, onde será feita a transmissão ao vivo de toda a competição. Estarão em ação as categorias sub18, sub16, sub14 e sub12, ambas no masculino e feminino. Além disso, há a disputa por equipes, com os atletas somando pontos para suas federações estaduais.

O Circuito CBSurf Rip Curl Grom Search é apresentado pela GoPro, com patrocínios da Surfland Brasil, FuWax, Silverbay, Brazinco, DNTBras e Blocos Teccel. Apoio da Prefeitura do Ipojuca, Federação Pernambucana de Surf, Maré Comida com Vida, Pranchas Realce Nordeste e Maresia Unique com divulgação da FMA Notícias.

Reportagem: Fábio Maradei – FMA Notícias

Edição Textos e Imagens: Edson “Adrena” Andrade

Tenha lindas artes exclusivas