Canal OFF traz #MaréFemininaNoOFF com especiais na TV e nas redes sociais durante o mês de março das mulheres

Publicado por AdrenaNews 144 views0

Canal OFF terá #MaréFemininaNoOFF com especiais na TV e nas redes sociais durante o mês março em homenagem as mulheres.

Chloe Calmon em ação. Foto: Laurent Masurel – WSL

No Dia Internacional da Mulher o Canal exibira os documentários inéditos Tidal e Jamie Anderson´s Unconditional e nas série nas redes sociais teremos Fernanda Keller, Milla Monteiro, Karina Oliani, Aretha Duarte e Chloé Calmon falando sobre mulheres que as inspiram.

Ao longo do mês o Canal OFF está com uma versão atualizada do #MaréFemininaNoOFF. Toda segunda-feira o OFF Docs traz documentários com novos rostos, opiniões e ideias do surfe feminino. Já pelas redes sociais, a série digital Ela Me Inspira (#ElaMeInspira) traz Fernanda Keller, Milla Monteiro, Karina Oliani, Aretha Duarte e Chloé Calmon contando sobre outras mulheres que as influenciam em vídeos no Instagram, Facebook e um compilado no YouTube.

Fernanda Keller em ação. Foto: Fundesporte

Em detalhes, elas explicam por que essa mulher é uma inspiração. Seja pelos seus feitos inéditos, força de vontade, uma história de superação ou pioneirismo em alguma modalidade. Os vídeos são permeados com imagens de arquivos que enriquecem ainda mais o conteúdo. No primeiro episódio, já disponível no Instagram , Fernanda Keller fala sobre Aída dos Santos, única mulher a integrar a delegação brasileira nos Jogos Olímpicos Tóquio 1964.

Neste dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, o Canal OFF terá um especial na TV durante todo o horário nobre, com destaque para os documentários inéditos Tidal e Jamie Anderson’s Unconditional. O especial começa às 18h com a exibição de Blue Crush, primeiro filme de surfe 100% feminino que fez o diretor Bill Ballard quebrar todos os paradigmas da época, em 1998. Ainda no início de suas carreiras Lisa Andersen, Rochelle Ballard, Layne Beachley, Serena Brooke e Megan Abubo mostram toda a potência do surfe radical feminino. Também inclui uma sessão especial dedicada à surfista havaiana Rell Sunn e sua batalha contra o câncer de mama. Blue Crush foi tão relevante que, em 2002, foi lançado mundialmente nas telas de cinema uma ficção que carrega o mesmo nome com a participação do casting original. Beachley, Ballard e Abubo apareceram como surfistas e dublês nessa versão para as telonas.

Lisa Andersen em ação. Foto: Willie Kessel – WSL

Na sequência, às 19h, vai ao ar Britney’s Crew: Confinadas. Filmado durante a pandemia de Covid-19, o documentário mostra como a quarentena chegou abalando as estruturas das skatistas do Britney’s Crew e as forçou a pausar todos os planos, projetos e ideias que iriam fazer em 2020. Elas tiveram a urgência de se reinventar e pensar em melhores formas de se reconectarem. Para isso, decidiram revirar a nuvem e avaliar através de uma nova perspectiva a trajetória do coletivo até o momento.

Às 19h30, Tidal segue a jornada de Lisa Beasley após um terrível acidente que a encoraja a retornar ao oceano. Ressignificando seu amor pelo mar, Lisa se torna uma guardiã da vida marinha. E enquanto salva a vida no oceano, este a ajuda em sua recuperação.

Às 20h Jamie Anderson’s Unconditional mostra a snowboarder com mais medalhas olímpicas e títulos de X-Games da História na busca por pistas ainda mais desafiadoras e na companhia de parceiros em locações no Japão, Alasca, Colúmbia Britânica e Califórnia.

Após as estreias de Tidal e Jamie Anderson´s Unconditional, vai ao ar às 20h30 Três Irmãs Big Riders, contando a história de Valentina (15 anos), Candelaria (12 anos) e Maxi (9 anos), todas da Nicarágua. Elas dropam ondas gigantes e vivem um lifestyle de viajar e surfar pelo mundo na companhia do pai, técnico e maior incentivador. Às 21h, A Land Shaped by Women mostra o motivo da Islândia ter sido classificada em primeiro lugar em igualdade de gênero pela ONU por nove anos consecutivos. As snowboarders campeãs mundiais Anne-Flore Marxer e Aline Bock pegam a estrada para explorar o terreno e conhecer as pessoas que tornam este país feminista tão único.

Às 22h o documentário Conquista da Agulha do Diabo acompanha a reunião de um grupo feminino e forte para mostrar o quão inseridas estão as mulheres em ambientes de montanha. Em busca de uma emblemática linha de highline após diversas pesquisas, elas se deparam com esta desafiadora montanha no Parque Nacional da Serra dos Órgãos, a Agulha do Diabo. Entre planejamento, logística de equipamentos, definição de responsabilidades, o grupo parte em direção a esta aventura que preserva grandes surpresas e desafios.

The Dirt Chix, às 22h30, mostra a história de quatro amigas de uma cidade canadense que superaram adversidades para se reunir uma vez por semana para praticar Mountain Bike e formaram um grupo com mais de 160 ciclistas que dividem alegrias e tristezas enquanto superam desafios nas trilhas e na vida. Às 23h30, o documentário Menina Da Pipa – Marina Carbonell Na Arte e No Surfe retrata como a logger Marina Carbonell se expressa na arte e no surfe. Encerrando o especial, meia-noite, Zero to 100 – A Lakey Petersen History nos leva ao redor do mundo em uma jornada inspiradora que mostra a ascensão de uma das mulheres mais progressistas no surf até hoje: a americana Lakey Peterson, uma das melhores surfistas do mundo.

Lakey Petersen em ação. Foto: Kelly Cestari – WSL

Sobre o Canal OFF:

Sonhe, explore e descubra novos horizontes onde conquistas se transformam em grandes histórias, discussões, pontos de vista e questionamentos. Personagens agregadores conectam esportes do ar, água, terra e neve com temas como bem-estar, sustentabilidade, transformações sociais e diversidade, mostrando experiências únicas em cenários paradisíacos e com um conteúdo exclusivo embalado por trilhas sonoras inspiradoras. O Canal OFF está no ar nas versões SD e HD das principais operadoras de TV paga do país e com conteúdos específicos para plataformas como YouTube, Facebook, Instagram, Twitter e Spotify . Parte de sua programação também pode ser acessada pelo Globoplay.

Reportagem: Vitor Daltro – InPress Porter Novelli

Edição: Edson “Adrena” Andrade

Tenha lindas artes exclusivas
mag72